• 13/05

    OUVIR E INFLUENCIAR

    postado em: 13 Maio 2015.

    Comentários: 0

    Para liderar, delegando poder às pessoas, você terá de se comunicar com eficiência. Isso significa lhes fazer perguntas e ouvir respostas, da mesma forma que lhes dar informações. Fica realmente difícil liderar e delegar poder a menos que as pessoas na sua equipe ou organização saibam com o que estão envolvidas.

    Quando falta comunicação eficiente, é como se as pessoas estivessem no escuro. Enviar mensagens confusas é um bom meio de pôr em risco a sua posição de liderança e se encaminhar para o fracasso. Por outro lado, apresentar informações de alta qualidade às pessoas é uma das atitudes fundamentais para ajudá-las a se desenvolver e a tomar decisões, maximizando assim o potencial individual e coletivo.

  • 28/04

    Arrisque-se, lidere!

    postado em: 28 Abril 2015.

    Comentários: 0

    Todo líder deveria temer a passividade – a atitude de concordar e aceitar tudo o que pessoas ou circunstâncias impõem. Conrad Hilton, executivo do ramo de hotelaria, disse: “O sucesso parece estar ligado à ação. Pessoas bem-sucedidas mantêm-se ativas. Elas comentem erros, mas não desistem.”

    Afinal de contas, correr o risco de deixar o sucesso de ontem e buscar o sucesso de hoje faz parte da liderança, mas não é algo fácil de fazer. Como disse Donald R. Keough, “quando obtemos uma conquista, por menor que ela seja, nos sentimos profundamente inclinados a parar de correr riscos. Se conseguimos algo, por que nos arriscar a perdê-lo? Quem sabe o que existe do outro lado da montanha? Nada de ir até lá!”

  • 09/04

    O CONSELHO DE JETRO

    postado em: 09 Abril 2015.

    Comentários: 0

    Os líderes são pessoas comuns que, em dado momento da vida, se viram em circunstâncias extraordinárias, as quais tiveram que enfrentar.

    Muitas vezes, em momentos como esses o espírito de liderança vem à tona e o potencial escondido se revela. Uma vez assumindo sua condição de líder, a pessoa passa a inspirar confiança e entusiasmo em outros.

    Jane Smith expõe assim a sua visão acerca de líderes que delegam poder: “Os lideres eficazes são capazes de delegar poder às pessoas porque são confiantes, autodisciplinados e altamente motivados. Os bons líderes sabem que não podem carregar nos próprios ombros o empreendimento inteiro ou o departamento inteiro”.

  • 19/03

    LÍDERES GERANDO LÍDERES

    postado em: 19 Março 2015.

    Comentários: 0

    No modelo de liderança que valoriza o desenvolvimento de novos líderes, o líder trabalha para o seu pessoal, apoiando a sua equipe e proporcionando a cada integrante oportunidades e recursos para fazer acontecer o sucesso a médio e longo prazos. De fato, nesse novo modelo de liderança, não se considera que o líder tenha “seguidores”.
    O líder que delega poder à sua equipe é um líder de líderes.

  • 11/03

    ADMITA QUANDO ESTIVER ERRADO

    postado em: 11 Março 2015.

    Comentários: 0

    Quando uma pessoa não admite erros, não reconhece um problema e acredita piamente que é infalível, pondo a culpa sempre em alguém, está assinando seu decreto de falência como líder. E, é claro, nesse caso, a culpa pelo fracasso vai ser da equipe, alguma força exterior ou alguém por perto que ele possa apontar.

    Líderes “infalíveis” podem até reconhecer quando a casa está desmoronando e os destroços estão por toda parte, porém, jamais dirão “eu errei, a culpa foi minha”. Ao contrário, todas as suas argumentações são para explicar que “erros foram cometidos. Mas não por mim”.

  • 25/02

    DEUS SE IMPORTA

    postado em: 25 Fevereiro 2015.

    Comentários: 0

    Deus não é indiferente a nós, como alguns tristemente acreditam. A prova disso é que ele encarnou a realidade humana e deparou-se com as tentações e males que sufocam a humanidade e tornam a vida sombria. Ele foi até o fim, quando Jesus deixou os braços de Amor do Pai para que fôssemos aceitos de volta como filhos.

    Jesus experimentou em si mesmo, como substituto perfeito, o mais alto nível de miséria, o ápice do sofrimento, para levar o homem de volta à presença de Deus.

  • 10/02

    "Vá" ou "vamos"?

    postado em: 10 Fevereiro 2015.

    Comentários: 0

    Liderar é proporcionar aperfeiçoamento na maneira de se viver. Abraham Lincoln disse: “A maior habilidade de um líder é desenvolver habilidades extraordinárias em pessoas comuns". Para qual propósito? Promover o macro projeto que se consolida na justa operação de cada membro do corpo, como disse o Apóstolo Paulo.

    O líder é revelado quando um indivíduo utiliza a luz que recebe acerca de si mesmo, para iluminar a vida de muitos outros e ajudá-los a descobrir a centelha secreta que faz brilhar suas próprias lâmpadas.

    Falando de equipe e liderança, o oficial E. M. Kelly disse: "A diferença entre um chefe e um líder: Um chefe diz vá! Um líder diz vamos!"

  • 29/01

    SEJA FLEXÍVEL

    postado em: 29 Janeiro 2015.

    Comentários: 0

    A intransigência leva um líder a acreditar que não existem novas formas de atingir bons resultados ou outro jeito de fazer as coisas, senão aqueles de sempre. Assim são bloqueadas as novas ideias, novos talentos, novos líderes.

    Donald R. Keough, ex-presidente da Coca-Cola Company, disse: “Quando as condições à sua volta mudarem, adote a inflexibilidade. Teime em ser intransigente. Mantenha-se irredutível. O fracasso é certo”. E o poeta William BaKe escreveu: “O homem que jamais muda de opinião é como água estagnada, e é nela que se proliferam os répteis da mente”.

    A inflexibilidade de um líder muitas vezes é nutrida pelo medo de mudanças e acomodação ao conforto da rotina e da situação atual. Agir assim paralisa o desenvolvimento da equipe e de novos líderes.

  • 14/01

    O LÍDER “TAMPA”

    postado em: 14 Janeiro 2015.

    Comentários: 0

    Na esfera da liderança temos vários perfis de líderes. Consequentemente temos também um desempenho diversificado de liderança. O grande desafio é criarmos um ambiente que promova a liderança de seguidores e de líderes de líderes, sem competição ou intimidação.

    Um desenvolvedor de líderes propôs, em um experimento, níveis de liderança em categorias, através de uma pontuação que pode ir de 1 a 10. Por exemplo, numa organização podemos ter um líder 2, 6 ou líder 9, convivendo entre si. E esta qualificação numérica não se dá por meio do caráter ou qualidade moral de um líder, mas do seu potencial e abrangência naturais.

    A dificuldade que acontece muitas vezes é quando um líder, digamos 6, tem sob sua liderança (ou plano de treinamento e desenvolvimento), um líder também 6, ou 7, ou 8. É o que poderíamos chamar um líder liderando líder de líderes. São casos em que o líder principal se sente ameaçado pela liderança do líder seguidor que desponta bem diante dos seus olhos.

  • 29/12

    MEU ALVO PARA 2015

    postado em: 29 Dezembro 2014.

    Comentários: 0

    Perguntaram certa vez para um famoso ministro que vivia o final da sua jornada: "O que você faria diferente se tivesse a oportunidade de começar tudo de novo?” A sua resposta: "Estaria mais tempo com Ele!".

    E esta é a minha grande meta para 2015: Estar mais tempo com Ele.

  • 23/12

    O QUE VOCÊ QUER PARA 2015?

    postado em: 23 Dezembro 2014.

    Comentários: 0

    Você pode agora mesmo olhar para 2015 com os olhos do seu coração e vislumbrar um grande ano. Você pode crer e determinar que vai deleitar-se no oceano da abundância de Deus para você: “Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”(João 3.16).

    Alguém poderia pensar: “Mas, este versículo está falando de vida eterna... Então, não é para 2015!”. A boa notícia: Se você está em Cristo, você já tem a vida eterna. Assim, hoje, amanhã e 2015, são excelentes oportunidades para você desfrutar de tudo que Deus reuniu em Cristo para o seu deleite. Mas, o que você quer de fato? Jesus tem exatamente o que você precisa e muito mais.

  • 11/12

    SERVIÇO E RECONHECIMENTO

    postado em: 11 Dezembro 2014.

    Comentários: 0

    Você já foi servido por alguém ostentando um título que não condizia com a missão desempenhada? Por vezes nos deparamos com situações como esta: Alguém que tem um cargo mas que não traz consigo a missão esperada para o título que carrega. Por outro lado, nos deparamos com pessoas que se sobressaem ao título, realizando com tanto amor e dedicação a sua missão que dizemos: “Esta pessoa nasceu para esta missão!”.

    E o meu foco aqui não é tratar sobre vocação ou talento. É claro que encontramos pessoas que decidem realizar determinada atividade apenas por causa dos ganhos financeiros ou materiais. Tais pessoas acabam frustrando a si mesmas e aos outros pois estão desconectadas do seu potencial e dos resultados que realmente valem a pena. A minha intenção portanto é falar sobre a disposição do coração de servo que precisamos ter para dar à missão que descobrimos como sendo nossa, o verdadeiro sentido de serviço à humanidade.

  • 03/12

    QUEM É O SEU MENTOR?

    postado em: 03 Dezembro 2014.

    Comentários: 0

    O professor Fred Childs disse: “Mentorar é transferir conhecimento, compreensão, sabedoria, habilidades, discernimento, visão e perícia.” Assim, é muito bom quando o líder tem a iniciativa de buscar a sabedoria por meio de conselhos que servem como prevenção de erros, ou avanço na caminhada, já que esses conselhos significam, muitas vezes, anos de caminhada e experiência”.

    Um líder deve estar disposto a descobrir o seu chamado e o caminho que vai trilhar no desenvolvimento do mesmo, ouvindo o seu coração, seguindo a sua intuição e permitindo-se também errar, aventurar-se e conquistar o seu destino. Porém, ele pode tornar essa caminhada mais leve e prazerosa, livrando-se, por exemplo, de erros que não teria necessidade de cometer.

  • 20/11

    RECOMPENSA

    postado em: 20 Novembro 2014.

    Comentários: 0

    Líderes que delegam poder acreditam que outros estão dispostos e são capazes de assumir mais responsabilidades. Eles acreditam que as pessoas querem fazer um bom trabalho e viver a satisfação que os bons resultados trazem, bem como suas recompensas, inclusive financeiras.

    As pessoas desanimam e deixam de se esforçar quando veem pouca ou nenhuma relação entre o que fazem e a recompensa que recebem. Para causar uma verdadeira transformação nas pessoas, você deve tratá-las como se já fossem como você quer que sejam.

    Fica confuso para o colaborador quando ele não tem ideia quais são as suas responsabilidades, não tem metas definidas, desconhece os resultados esperados do seu trabalho, os limites de autoridade e o seu dever de prestação de contas. Em um ambiente como esse, não há expectativa para recompensas e, portanto, não há perspectiva para uma evolução no desempenho da equipe.

    Líderes que delegam poder acreditam que outros estão dispostos e são capazes de assumir mais responsabilidades. Eles acreditam que as pessoas querem fazer um bom trabalho e viver a satisfação que os bons resultados trazem, bem como suas recompensas, inclusive financeiras.

    As pessoas desanimam e deixam de se esforçar quando veem pouca ou nenhuma relação entre o que fazem e a recompensa que recebem. Para causar uma verdadeira transformação nas pessoas, você deve tratá-las como se já fossem como você quer que sejam.

    Fica confuso para o colaborador quando ele não tem ideia quais são as suas responsabilidades, não tem metas definidas, desconhece os resultados esperados do seu trabalho, os limites de autoridade e o seu dever de prestação de contas. Em um ambiente como esse, não há expectativa para recompensas e, portanto, não há perspectiva para uma evolução no desempenho da equipe.

  • 05/11

    NEM DEIS LUGAR AO DIABO

    postado em: 05 Novembro 2014.

    Comentários: 0

    "O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge PROCURANDO alguém para devorar" (1 Pedro 5.8). "Nem DEIS LUGAR ao diabo" (Efésios 4.27)

    Nossos irmãos Pedro e Paulo dirigiram a palavra para cristãos e deixaram algo muito claro: o Senhorio de Jesus sobre as nossas vidas torna a influência de Satanás e das trevas algo condicional sobre nós. Ou seja, uma vez que você está em Cristo e compreende isto, o Diabo não pode simplesmente “pintar e bordar” na sua vida, sem que você consinta.

    Fazendo uso das palavras de Pedro, ele “anda procurando quem possa devorar”. Ou, anda procurando um “lugar” que é oferecido quando “baixamos a guarda”. E quando ele encontra esse lugar traz consigo a opressão e toda espécie de imundícia que é próprio da sua natureza decaída e má.

[12 3 4  >>